Desintoxicação do fígadoEste é o primeiro de uma série de 5 artigos, dedicada à desintoxicação do fígado através da alimentação e de produtos naturais.

A alimentação moderna abusiva em carne, pratos pesados, batatas, pão, massas, guloseimas, fritos etc… conduz inevitavelmente a um estado de toxemia, isto é, as toxinas presentes nos alimentos e provenientes de diversas fontes (pesticidas, conservantes e outros aditivos) começam a provocar asfixias celulares que conduzem inevitavelmente à doença.

Qualquer que seja a doença ou patologia a tratar, o tratamento deverá começar pela dieta cujo principal efeito será o de desintoxicar o fígado e o organismo em geral.

E por quê o fígado? Simplesmente porque é um órgão de grande importância devido à sua função fisio-biológica no organismo. Doenças como o reumatismo, asma, colesterol, cancro, etc… apresentam sempre um fígado doente ou em más condições fisiológicas.

Comecemos por falar dos alimentos interditos e dos alimentos a evitar:

ALIMENTOS INTERDITOS

Fritos, Ovos de aviário, Gordura, Sardinhas, Bacalhau, Carne de porco, Pratos condimentados, Carne de vitela, Charcutaria (salames, chouriços, fiambre), Álcool (bebidas brancas, whisky, aperitivos, vinho, etc.), Café, Chocolate, Bebidas gasosas, Mariscos.

ALIMENTOS A EVITAR

Leite gordo e pasteurizado, Queijos gordos, Laranjas, Açúcar branco (tostas integrais e pão integral é permitido), Arroz branco, Vinagre de álcool, Bolos comercializados, Manteiga.

No próximo artigo, falaremos dos Alimentos Permitidos.

Subscreva o Feed RSS clicando no link do canto superior direito do blog, ou se preferir receber todos os novos posts no email insira o seu nome e o email nos campos da sidebar.

Série Dieta e regime de desintoxicação do fígado:

Artigos que podem interessar: